sexta-feira, 6 de outubro de 2017

PÉ DE CAMA COUNTRY

Há um bom tempo eu ficava namorando uns modelos de "pé de cama" no Pinterest, mas nunca achava tempo pra fazer. Pé de cama é uma tira colorida, usando técnicas variadas colocada sobre a colcha. 
Como eu tinha uma colcha em algodão cru que nunca usava por achá-la muito sem graça, resolvi fazer um pé de cama e uma fronha para usar com ela. Na hora de montar não usei nenhum dos modelos que eu tinha visto, criei este modelo.
Fiz em estilo country bem colorida, com a técnica de patchapliqué usando algodão cru com acabamento em xadrez. Gostei muito da combinação. 

E a cama ficou assim... 


A vida tem a cor que você pinta... 
Aproveite o dia!!!

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

COLHENDO MAÇÃS

E estamos de volta...
Coisa boa é pegar fruta no pé!
Ontario, Canadá.
Manhã de sábado, pegamos a estrada com destino a uma fazenda que estava aberta para a colheita de maçãs. Eu sentia uma boa expectativa porque não conhecia uma plantação de maçãs e também porque gosto muito de ir pelas estradas do campo. A vista do relaxante cenário rural já me traz paz e alegria. Sinto um refrigério e renovação da vida.

Para colher as maçãs pegamos uma sacola e subimos na carroceria de um veículo improvisado puxado por um trator até o local preparado para a colheita naquele dia.
 
Lá é cultivado dois tipos de maçãs: uma vermelha tradicional do Canadá, mais ácida, que eles usam pra fazer a tradicional torta de maçã, sidra, geleia, purê e outras delícias, e a silken - uma maçã verde claro/amarelada, que parece mesmo seda, de textura suave, doce, muito saborosa. 
Na fazenda onde acontecia a colheita tinha uma área de lanches e venda de produtos locais - gostei do trem catavento na área de lanches.
Voltamos para casa com uma sacola de maçãs, tortas e outros produtos locais. Colher maçãs foi uma experiência muito boa.

Bom é saborear os frutos da terra...

terça-feira, 22 de agosto de 2017

EM ATRASO...

Bom dia amigos!
Este blog está um pouco abandonado, rsrsrs...
Acho que por falta de tempo ou inspiração - ou as duas coisas juntas... 
Às vezes eu faço trabalhos e por ser pequenos ou poucos, o tempo vai passando e acabo não postando.
Então hoje juntei três trabalhos simples, feitos em tempos diversos...
O primeiro  são guardanapos bordados com botões e biquinho de crochê. Gosto de bordar com botões e sempre que surge a oportunidade eu faço.
O segundo são almofadas pra quarto de menina na forma de lua, nuvem e rolo. Com bordado só na de nuvem, apenas com tecidos estampados.

O terceiro é um puxa-saco em tecido de gatinhos feito para uma "catlover". 

Desejo tudo de bom pra você!!!
E muita inspiração e criatividade
na vida e no trabalho...

segunda-feira, 24 de julho de 2017

COLCHA JARDIM

    Quando eu era criança amava o jardim da nossa casa. Nós morávamos na roça, uma casa de fazenda muito simples de onde tenho boas memórias – casa branca, portas e janelas azuis, a cachoeira, o moinho d’água, a horta, o paiol, o curral para o gado, o pomar, e nos fundos um jardim perto da bica de água. Naquele pequeno jardim cabia uma grande variedade de plantas e flores. Tudo junto e misturado- afinal na natureza não existe monocultura.

      Havia o pé de murta dominando o jardim com suas flores perfumadas e sementes vermelhas que os passarinhos vinham comer; as folhagens de cores e formas variadas... Os lírios – o “eucarístico” com flores brancas; o de “S. José” com flores laranja; o “lírio azul” (neomarica – falso iris)-; a trepadeira “sangue de Cristo”; os beijos de diversas formas e cores; as açucenas; as violetas; o “suspiro” - uma planta que na época das flores as folhas morrem e a flor roxa e branca brota da terra -; uma planta com lindas flores brancas pequeninas: “coroa de noiva”... assim era o nosso jardim.
     Comecei a fazer esta colcha conforme um modelo de um livro de patchwork – o nome era “O jardim de Anne”. Era um modelo com uma grande mistura de cores. Mas eu tenho dificuldade de emendar pedaços de tecido formando um desenho geométrico. Então, no meio do trabalho deixei o modelo do livro, e fiz na colcha o jardim da minha infância.
    O jardim da nossa vida é assim: uma grande mistura. Só quando nos distanciamos, podemos ver a harmonia que existe naquilo que de perto parecia um emaranhado de cores e formas.
     
    Então vou olhar para esta colcha com gratidão e paciência.  Paciência para deixar o tempo passar e eu ver tudo de certa distância; gratidão porque assim é a minha vida, e tem sido uma boa vida com os erros e acertos. A mensagem que fica é: não controlamos a vida, ela nos ultrapassa. Eu não tenho a vida, ela me tem.  

 Cultive o seu jardim,
e espere florescer...

domingo, 9 de julho de 2017

ALMOFADA EM AZUL

     Imagine-se andando pelos campos numa manhã de sol, colhendo um buquê de flores do campo... chegando em casa você pega um jarro no armário e põe as flores na água fresca e coloca o jarro sobre uma mesa em frente a uma janela que dá vista para o mar... 
Você pode sentar-se e contemplar o azul do mar que se une ao azul do céu... e esta cena vai pouco a pouco aquietando a sua respiração e desacelerando a sua mente.
Vivemos o agora...
Foi pensando numa cena assim que desenhei e fiz esta almofada em patchwork e bordado livre. Do desenho até a almofada ficar pronta passaram-se 7 meses - com outros trabalhos no meio.
 
 Uma vez eu vivi esta cena que descrevi. Só que a janela não dava vista pro mar, mas para os campos de Smith Falls no Canadá.
DETALHES  DO BORDADO

CORTINA COM BICO DE CROCHÊ
Espero que este tema possa inspirar você a criar coisas que fazem bem à sua alma. Coisas que nos trazem realização e alegria.

Desejo a você um dia cheio de cor e  a vida cheia de amor!!!!!

terça-feira, 30 de maio de 2017

LIXEIRINHA PARA CARRO

Dentro do carro sempre tem algo para ser descartado e às vezes não tendo onde por, vamos juntando lixo. 
Por isso sempre é útil ter uma lixeirinha no carro. Melhor ainda quando é charmosa e colorida. 
Fiz esta para presentear uma amiga. Experimentei fazer um modelo diferente que eu ainda não tinha feito.
 
Escolhi fazer em tons de azul, e apliquei vasinhos com flores de fuxico. Pra completar apliquei uma borboleta laranja.
E ficou assim.

Lembre-se...









para quem contempla o belo 
há sempre uma flor 
na paisagem...

sexta-feira, 19 de maio de 2017

NECESSAIRES

Olá!
Hoje trago pra vocês este conjunto de necessaire em tons de azul e cores combinantes. 
Fiz a maior como organizador de bolsa - coloquei um bolso do lado de fora e outro bolso dentro. 
A menor é para guardar máquina fotográfica e seus acessórios - com dois bolsos dentro para cartões de memória e cabos. 
 Bordei a maior com flores e passarinhos - muito fofos! 
A menor fiz sem bordado, só com os tecidos combinantes.
O outro lado.
E para alegrar o seu dia, 
contemple o belo...